descubra o que é, como tratar e como prevenir

Author

Categories

Share


iStock

Ama tomar banho de sol e, às vezes, se esquece de passar o protetor? Talvez você tenha melanose solar e nem saiba o que é isso – ou pense que só acontece com pessoas de mais idade. Para saber mais sobre essas manchas que ocorrem na pele, conversamos com a Dra. Fernanda Nichelle (CREMERS 36168 | CREMESP 154072), médica que atua na área estética. Acompanhe:

Continua após o anúncio

O que é melanose solar

De acordo com a Dr.ª Fernanda Nichelle, a melanose solar consiste em manchas de diferentes tons de castanho, variando de milímetros a alguns centímetros de diâmetro, em áreas cronicamente expostas ao sol. Essas manchas são benignas e mais frequentes em pessoas de pele clara. Também são conhecidas por mancha senil ou lentigo solar.

Como funciona o tratamento

iStock

O melhor a se fazer, conforme a Dr.ª Fernanda, é prevenir através da proteção solar efetiva e regular. O tratamento das melanoses solares pode ser feito com produtos tópicos, luz intensa pulsada e laser – tudo mediante acompanhamento médico.

7 perguntas sobre melanose solar respondidas pela especialista

Qual a diferença entre melanose e melasma? Será que as manchas desaparecem? Como prevenir? A Dr.ª Fernanda Nichelle responde, abaixo, essas e outras dúvidas principais sobre o assunto:

1. Qual a diferença entre melanose solar e melasma?

O melasma é uma doença crônica, em que geralmente a mancha é maior, mais bem delimitada e piora com sol, calor e alterações hormonais.

2. A melanose solar pode virar câncer?

Qualquer pele pode ter câncer se não for devidamente protegida. Geralmente, uma pele que apresenta melanose solar evidencia que já teve uma ampla exposição solar no passado, o que aumenta a chance de desenvolver a doença.

Continua após o anúncio

3. A melanose solar pode aparecer em jovens?

Sim, pela exposição solar crônica na infância e na adolescência. O que desencadeia não é a idade, mas o acúmulo dos danos das radiações solares sobre as células responsáveis pela pigmentação da nossa pele (melanócitos).

4. As manchas são permanentes?

Muitas podem regredir com tratamento, mas tendem a voltar caso o paciente se exponha à radiação solar novamente.

5. Em que partes do corpo a melanose solar pode aparecer?

Geralmente no rosto, no dorso das mãos e dos braços, no colo e nos ombros, que são áreas fotoexpostas – ou seja, têm mais exposição ao sol.

6. Como prevenir o aparecimento da melanose solar?

Evitar a exposição excessiva ao sol e proteger a pele dos efeitos da radiação ultravioleta (UV) são as melhores estratégias para prevenir a melanose. É fundamental o uso do protetor solar.

7. Qual fator UV é necessário para a prevenção?

É importante que o fator de proteção solar seja acima de 30. “Para o dia a dia, oriento FPS acima de 30 e para praia ou piscina, acima de 50”, explica a Dr.ª Fernanda Nichelle.

Continua após o anúncio

Quer preservar sua pele do aparecimento dessas manchas? Reforce a proteção! Confira este guia completo de como escolher protetor solar, com dicas do que levar em consideração para fazer uma boa compra.

As informações contidas nesta página têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento e acompanhamentos de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.





Source link

Author

Share